quinta-feira, 12 de abril de 2018

Confirmado! FGV será a organizadora do concurso TJ SC 2018 que ofertará 26 vagas

 

Mais um passo dado! O concurso para o Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC 2017/2018) terá a Fundação Getúlio Vargas (FGV) como instituição organizadora da seleção. A dispensa de licitação para contratação da banca foi publicada no dia 1º no Diário Eletrônico da Justiça de Santa Catarina trazendo o nome da banca.

Concurso TJ-SC divulga nome da banca!

Concurso TJ-SC 2017/2018: 26 vagas imediatas

Com a divulgação da dispensa de licitação, a expectativa é de que o edital seja divulgado em breve. Ainda de acordo com o documento, o concurso TJ-SC ofertará 26 vagas, mais formação de cadastro reserva para profissionais de níveis médio e superior.

Para o nível médio, as oportunidades serão para técnico judiciário, que tem vencimento inicial R$3.436,35.

Já para o nível superior, as vagas serão para analista administrativo, analista jurídico, oficial de justiça e avaliador, oficial da infância e juventude, arquiteto, engenheiro eletricista, engenheiro civil e enfermeiro, com iniciais de R$5.951,32.

Último concurso foi realizado em 2014

A última seleção para o Tribunal de Justiça de Santa Catarina foi realizada em 2014. Na época, foram ofertadas 32 vagas imediatas para os cargos de técnico judiciário, analista administrativo, analista de sistemas, assistente social, médico, odontólogo e psicólogo.

Os candidatos realizaram prova objetiva com 60 questões sobre as disciplinas de Português e conhecimentos específicos de acordo com o cargo.








Serviço:

Outras Informações – Aqui
  Concursos Públicos Aqui
Dicas para Concursos - Aqui

Para mais informações consulte o nosso blog.

SHARE THIS

Autor:

No RD5 maior blog de informações sobre concursos públicos, esportes, entretenimento política, tecnologia e negócios você fica por dentro das principais e últimas notícias do dia, além de assuntos relacionados ao Mundo do Brasil e da Bahia para seu conhecimento diário.

0 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.