terça-feira, 5 de setembro de 2017

Justiça Federal decreta bloqueio de bens e proíbe Nuzman de deixar o país




O juiz federal Marcelo Bretas decretou bloqueio de bens do presidente do Comitê Olímpico do Brasil, Carlos Arthur Nuzman, e o proibiu de deixar o país como parte da operação que investiga suspeita de compra de votos para a escolha do Rio de Janeiro como sede da Olimpíada de 2016.

Em despacho, o juiz afirmou ainda que o Ministério Público Federal tem indícios de que uma organização criminosa instalada no governo do Rio de Janeiro sob comando do ex-governador Sérgio Cabral, que está preso, apoiou financeiramente Nuzman na suposta compra de votos por ter grande interesse na realização do evento esportivo.

Nuzman foi alvo de mandado de busca em sua residência no Rio na manhã desta terça-feira e recebeu uma intimação para prestar depoimento à Polícia Federal.





Serviço:

Outras Informações – Aqui
  Concursos Públicos Aqui
Dicas para Concursos - Aqui

Para mais informações consulte o nosso blog.

SHARE THIS

Autor:

No RD5 maior blog de informações sobre concursos públicos, esportes, entretenimento política, tecnologia e negócios você fica por dentro das principais e últimas notícias do dia, além de assuntos relacionados ao Mundo do Brasil e da Bahia para seu conhecimento diário.

0 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.